domingo, 14 de fevereiro de 2010

Delegados Paulistas de Cultura irão na Conferência Nacional de Cultura?

Dúvida
A IIª Conferência Nacional de Cultura ocorre em Brasília/DF de 11 a 14 de Março de 2010.

Um dado interessante é que existem 50 Delegados eleitos na Conferência Estadual de Cultura, ocorrida em 26 de Novembro de 2009, no Auditório Simón Bolivar, do Memorial da América Latina, em São Paulo. E mais interessante ainda é que esses representantes iriam para Brasília com as despesas pagas via Secretaria de Estado da Cultura. Acontece que, em comunicado via Rede dos Pontos de Cultura de São Paulo, foi informado que o estado de São Paulo não mais arcará com esse compromisso. Reviravolta estranha, imprevista e, mais que tudo, arbitrária.

Marcos Pardim - um dos Delegados eleitos na Conferência Estadual de Cultura - é de Salto e informou-me sobre essa decisão da Secretaria via email. Salto faz parte da região administrativa cultural de Sorocaba - que aliás neste caso conta com 79 municípios; e, além de representar Salto, Marcos também atua no Ponto/Pontão de Cultura da Fasam (Familiares e Amigos da Saúde Mental de Itu - com o Projeto "Ponto de Cultura FASAM para Todos os Especiais; atualmente também Pontão de Cultura da Diversidade & Inclusão). Em Salto ele age juntamente com um dos novos Pontos de Cultura que é da entidade @FIM (Associação de Formação Infanto-Juvenil Múltipla - com o Projeto "Anselminhos - Pagadores de Promessas"). Também atua frequentemente junto ao Fórum Permanente de Cultura da cidade de Salto. Além disso, dedica sua vida à atividades culturais há décadas sendo também escritor como pode ser conferido em seu Blog "Caraminholas".

O comunicado que Pardim recebeu da Secretaria de Estado da Cultura - ao procurar informações a respeito da viagem - é que todo Delegado deve entar em contato com o Poder Público local, ou seja, no caso de Pardim, este deve entar em contato com o de Salto (numa tentativa de conseguir apoio para sua viagem e representação), ou então que banque as custas por sí próprio. Ora, o que não é muito compreensível é essa tomada de postura da Secretaria de Estado da Cultura mudando repentinamente a decisão que antes era de se custear a ida dos Delegados (representantes estaduais de Cultura) para Brasília. Na Conferência Estadual de Cultura, do qual Pardim foi um dos Delegados de Salto - juntamente com os demais Delegados: Wilson Caveden, Vania Barcella e eu (Arlindo G. Nicolau) -, o apoio do município de Salto foi total. E, no caso da Conferência Nacional de Cultura o apoio deve (ou deveria) partir da Secretaria de Estado da Cultura (aliás essa era a norma estabelecida). Se a Secretaria está arbitrariamente mudando essa decisão - que aliás era conhecida de todos os que estão inteirados com o assunto; no caso: custear a ida dos representantes estaduais - o que nós enquanto brasileiros e moradores do estado de São Paulo podemos fazer é buscar não esmorecer perante mais esse quadro anti-social. Cidadania se contrói dia-a-dia e transformação social ocorre na medida em que fazemos valer nossos direitos a bens sociais como Cultura.

Pardim já entrou em contato com o Poder Público local. Vejamos o que pode ser feito. Lamenta-se novamente a "(im)postura" da Secretaria de Estado da Cultura nessa que foi, sim, uma decisão anti-democrática.

Torçamos para que algo efetivo e positivo quanto a essa viagem e representação seja obtido.

Arlindo G. Nicolau - Artista Plástico, Designer Gráfico, Webdesigner e Educador. Estudou Artes Plásticas e Pedagogia na Unicamp. Colabora com o Espaço Cultural Barros Junior e com o Fórum Permanente de Cultura de Salto/SP.

3 comentários:

marcos pardim disse...

pois é, arlindo... o estado de são paulo, via secretaria estadual da cultura, passa-nos atestado de barbeiragem e molecagem. em ano eleitoral, como já é de costume, ficamos mesmo à mercê de gestos e atitudes pouco recomendáveis, daquelas do tipo em que é melhor tirarmos os nossos filhos da sala. mas os delegados eleitos já estão se organizando e, acredito, iremos todos à brasília, de um jeito ou de outro. o minc-sp tá dando uma força na organização também. acho que não daremos esse "gostinho" a quem age anti-democraticamente. aliás, vc esteve na conferência estadual - lá já deu para perceber que o governo de nosso estado está a anos luz de distância da compreensão do que vem a ser gestão compartilhada. é uma pena. é nosso estado, onde vivemos e atuamos, e não merecemos esta mácula de autoritarismo, aliás quem nos governa já o faz a tempo mais do que suficiente para ter exercitado um pouco mais de tolerância e convivência para com a divergência, que em verdade intenta convergir para o bem comum (conceito este um tanto quanto inatingível para certos homens públicos, notadamente no nosso querido estado de são paulo). 1 abraço e gracias pela sua imensa contribuição para o processo de empoderamento, protagonismo e autonomia da cultura, caminho irreversível, apesar dos pesares (e de alguns pesadelos).

Wilson R. Caveden disse...

Acho importante dizer os nomes, não? Nosso governador José Serra, seu secretário de Cultura João Sayad são os responsáveis por isso. O tal do Sturm creio é um "pau mandado" como diziamos no movimento sindical.
Importante aqueles que conseguirem ir para a Conferência Nacional daqui de São Paulo não se esquecerem de registrar através de moções todo o protesto e repúdio a essa postura do governo de São Paulo, que sinceramente não acho que seja autoritária: é de confronto explicito com as políticas do governo federal.
No que depender de mim o Marcos já está lá.

Abraços

Agnicolau disse...

Continuando... vale lembrar o excelente Registro de Wilson R. Caveden:
http://wilsoncaveden.blogspot.com/2009/11/conferencia-estadual-de-cultura.html - que já dá mostra de como foi a (péssima) condução por parte do Governo Estadual Paulista do andamento da Conferência Estadual, mas, que mesmo com os percalços, teve algum bom resultado no geral.
→ Quem fizer uma comparação com o que Wilson Caveden já escreveu - há meses atrás - notará a semelhança na posição (novamente) do Governo Estadual Paulista.
Para outras postagens do tema basta clicar em "Conferência Estadual de Cultura", na seção "Marcadores" (menu lateral ←).